Consumidor está mais confiante na economia, diz pesquisa da FCV
a
TWITTER
b
FACEBOOK
x
INSTAGRAM
r
YOUTUBE

 

Consumidor está mais confiante na economia, diz pesquisa da FCV

28/11/2017


Consumidor está mais confiante na economia, diz pesquisa da FCV


Para a pesquisa, realizada no início deste mês, foram visitadas 540 residências maringaenses (em todas as regiões da cidade) e o levantamentou indicou que o Índice de Confiança do Consumidor de Maringá (ICCM) subiu 5,1 pontos, atingindo 100,6 pontos em novembro. A margem de erro é de 2,19 pontos percentuais para mais ou para menos, e o nível de confiança é de 95%. O levantamento leva em consideração diversas premissas relacionadas aos hábitos e expectativas dos consumidores.

Segundo os dados, entre os entrevistados 25% deles são trabalhadores com carteira assinada e 23% trabalham por conta. Do total geral 42% afirma que vê a economia local como normal, 29% diz que está boa e 20% alega que ela está ruim. Menos da metade, 46%, acredita que em um futuro a situação melhorará. Quanto a colocação no mercado de trabalho, 52% garante que está difícil e 45% dos entrevistados diz que no futuro estará igual.

Apesar desta dificuldade 43% das pessoas disse que a situação econômica da família está normal, que comparando entradas e saídas a situação está equilibrada em 55% das residências, e apenas 10% alegam que está ruim.

Bom ou não, fica claro que o momento é de conter gastos maiores. Quando perguntados sobre a previsão de investir em bens, como carro ou imóvel residencial, 82% diz que a aquisição nos esta nos planos da família. A reforma da casa para o fim de ano também está foram do orçamento para 73%.

Embora mesclando expectativas otimistas e outras nem tanto a pesquisa reflete o bom trabalho da coordenação do curso de Economia da FCV, que envolve seus alunos nas atividades do projeto Maringá em Números.

 

Assessoria de Comunicação – FCV


 

 

Compartilhe com seus amigos:

 

Voltar